Traduções

Tradução – 14

03.jpg

[..] conhecimento e sabedoria, deixando de procurar a verdade máxima, fazendo mais parte do caminho fácil do que do difícil. Estaria o próprio Cristo fazendo alusão as consequências de não ir atrás da verdade?

Em suma, caminho fácil é aquele extremamente mecanizado isento de qualquer criatividade ou pensamento diferente que lhes traga dúvidas e dificuldades, é aquela rota que sempre segue linhas já estabelecidas. E, para seguir essa estabilidade isenta da investigação, não precisa ser apenas um sujeito que não corre atrás de encontrá-la, um ignorante; pseudo-filósofo; cético ateísta ou religioso; poder-se-ia ver que até mesmo os prodígios e autodidatas costumam seguir o caminho fácil. Assim, observar-se-á uma passagem do livro “Cinco mentes para o futuro”, de Howard Gardner:

“Curiosamente, os prodígios em uma esfera raramente acabam sendo criadores. Desde muito pequenos, os prodígios são recompensados por fazer exatamente o que os adultos em seu campo estavam fazendo, de forma que é necessário refazer a si mesmo – em uma brusca mudança de objetivos, orientação e motivação – para partir em direções novas e inexploradas. de Camille Saint-Saëns, um prodígio musical já com idade, que nunca realizou completamente sua promessa inicial, foi dito espirituosamente: “Ele tem tudo, mas falta-lhe inexperiência”.

Tradução: Abel Seth

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s